Dúvidas

24 de novembro de 2009


A dificuldade de conviver com o outro existe, mas não era para ser assim, afinal, somos todos iguais no que diz respeito à espécie. Não sei por que existem diferenças.

Acho que elas existem para que haja um conflito de opiniões. E é isso que eu estou vivendo no momento, um grande conflito entre o "ser" e o "parecer". No texto passado, eu disse que não sabia se quem estava ao meu lado era amigo ou inimigo, disse porque ocorreram situações que me fizeram pensar e ficar nessa dúvida.

Hoje, disseram-me para eu ficar na minha, ignorar certas atitudes e calar mais a minha boca para não piorar o que parece já estar ruim.

Mas será que isso é o correto?

Ainda não sei, talvez aprenda errando. Só sei que no momento a nossa convivência se resume a esta frase:


"Temos muitas conversas que parecem de surdos, tal é a falta de sintonia entre quem fala e quem escuta."

(Paulo Geraldo)

1 comentários:

, dudiinha cazé opinou...
faça o que achar melhor e depois, se você for corajosa, encare as consequencias.