Constelação

29 de março de 2010

Ela não sabia onde estava, tudo lhe parecia estranho,
era como se tudo ao seu redor fosse vazio.
O seu quarto tinha tudo de que ela precisava para ser feliz,
mas naquele instante o tudo era nada.

Ela procurava uma saída, mas não achava;
gritava, mas ninguém ouvia;
sentiu medo.
Pensou em tudo e em todos,
sentiu falta da sua vida.

Ela não entendia por que estava naquele lugar,
e se perguntava o que tinha feito para ser levada para lá,
nenhuma voz, nem mesmo a interior, respodia-lhe.
Ela se sentia vazia.

O lugar não a assustava,
pelo contrário, era um bonito lugar, parecia o espaço,
mas era o fato de ela estar sozinha que a incomodava.

A ida a esse lugar tão diferente que ela fora sem saber ao certo o porquê lhe fez pensar no que a vida pode tirar e oferecer.
Por um instante, ela ficou sem nada,
logo ela que sempre teve de tudo.

- Tá na hora de acordar, você fica tão linda dormindo, sonhando então...

Nossa, ainda bem que tudo não passou de um sonho.

2 comentários:

Jamylle Carvalho opinou...
que lindo *,*
Mony opinou...
*-*